Saltar para o conteúdo principal da página

Ministério do Turismo apresenta:

A- A+
14/01/2022 09:48:55

Veja opções de bibliotecas para pessoas com deficiência visual

Espaços em São Paulo oferecem milhares de títulos e equipamentos que auxiliam na leitura

O mundo todo comemora o Dia do Braile em 4 de janeiro, uma lembrança e uma homenagem a Louis Braille, o criador da escrita para pessoas com deficiência visual.?

A data é recente: foi definida pela Organização das Nações Unidas em 2018. Já o método criado pelo professor francês, que perdeu a visão aos 5 anos, tem quase 200 anos. Em 1825, quando tinha apenas 16 anos, ele apresentou seu sistema de pontos.?

Talvez você não tenha se dado conta, mas o número de pessoas com deficiência visual é alto. No mundo, pelos cálculos da Organização Mundial da Saúde, são 2,2 bilhões. No Brasil, segundo o IBGE, são 6,5 milhões. Desses brasileiros, 6 milhões têm grande dificuldade para enxergar e 500 mil não enxergam nada.?

Se você, que nos lê agora, conhece pessoas nessa situação, saiba que o Brasil tem acervos para cegos. Abaixo, nós listamos as três maiores bibliotecas para pessoas com deficiência visual em São Paulo.?

1. Dorinateca: a biblioteca on-line da fundação Dorina tem mais de 4.500 títulos. Há também livros acessíveis para download.?

2. Biblioteca Louis Braille: idealizada em 1947, passou a fazer parte do Centro Cultural São Paulo, em 1986, para tornar o acesso mais fácil.?

3. Biblioteca de São Paulo: possui 1200 audiolivros e 200 exemplares em braile. Tem ainda ampliadores de caracteres, lupas eletrônicas, folheador eletrônico, leitores digitais e leitor tátil, além de scanners capazes de transformar livros escritos em áudio.?


Trabalhando...